Meio Ambiente

6 jun

Falar sobre moda, beleza, decoração, viagens, entre tantos outros assuntos que tenho tratado aqui, é muito bom. Mas não há nada tão importante e que me comova mais, do que falar sobre o meio ambiente.

Já faz dias que venho pensando em como abordar este assunto. Não quero que seja algo massante, careta, porque infelizmente é assim que pensa a maioria das pessoas quando tratamos da preservação do meio.

Ontem, dia 05 de junho de 2011, foi o dia mundial do meio ambiente, você sabia? Você já parou pra pensar o que tem feito para ele? Não? Então eu vou te ajudar…

Diariamente, o Brasil (nós, no caso) produz 230 mil toneladas de lixo. Dessas 230 mil toneladas diárias:
76% fica a céu aberto
13% vai para aterros controlados
10% vai para aterros sanitários
0,9% vai para usinas de compostagem
0,1% são incinerados

Diante de todos esses números, uma insignificante parte é recuperada em centrais de reciclagem. Fala-se que penas 2% de todo o lixo que produzimos, seja reciclado.

Em nosso dia-a-dia, nós contribuímos para a degradação do meio ambiente, mesmo que de maneira inconsciente. Só pelo fato de usarmos um meio de locomoção movido à motor para ir e vir, por exemplo, nós já temos uma parcela de culpa nesta poluição.

A poluição e o desgaste ambiental são assuntos bastante abrangentes. Poderia falar da poluição de rios, mares, desmatamento de florestas, desperdício de água, enfim. Mas, hoje darei ênfase à apenas um dos meios que prejudica e muito a natureza, o lixo.

Se mesmo sem querer, nós já geramos lixo e prejudicamos o ambiente onde vivemos, porque não ao menos tentarmos colaborar, para juntos revertermos em partes este caos?

Pra começar, gostaria de deixar uma informação que talvez poucas pessoas saibam, que é a quantidade de anos que cada item demora para se decompor na natureza.

Imagem: nautica.com.br

É assustador, não é? Principalmente em relação ao vidro, que demora cerca de 1 milhão de anos para se decompor! Mas, com um quilo de vidro quebrado, faz-se exatamente um quilo de vidro novo. E a grande vantagem do vidro é que ele pode ser reciclado infinitas vezes. Você sabia? É burrice não reciclar, não acha?

Bem, não quero prolongar muito o post, para que não fique cansativo. Quero tratar do assunto aos poucos, pois há muito para ser dito.

Pra começar, citei um grande exemplo do que estamos fazendo para o meio ambiente. Mas agora, mudando um pouco a questão: Você já parou pra pensar o que tem feito pelo meio ambiente? Nada? Então eu vou te ajudar…

Comece separando o ‘lixo’ de sua residência. É muito simples! Basta você pegar um saco grande de lixo, tipo aqueles de 100kg, que será sua coleta seletiva. Tudo que for lixo seco, você coloca dentro dele. O lixo seco, isto é, tudo aquilo que pode ser reciclado, como o próprio nome já diz, deve estar seco. Toda embalagem pode ser reciclada, desde que esteja limpa. Então, devemos lavá-la, deixá-la secar e aí sim, jogá-la dentro do saco. Desta maneira o lixo não terá mau cheiro e poderá esperar acumular bastante para você ter o trabalho de levá-lo ao destino correto. Informe-se sobre a coleta seletiva na prefeitura de sua cidade!

Imagem: evom.com.br

Sei que esta parte de ter que lavar as embalagens, é o que mais incomoda (da uma preguiça!) a maioria das pessoas. Mas garanto que é gratificante saber que você está colaborando, nem que seja um pouquinho, para a melhora da nossa qualidade de vida, por exemplo. Porque dar ao lixo o seu destino certo, é sim qualidade de vida. E agora eu não falo apenas da questão dos lixões, que poluem lençóis, rios, transmitem doenças, falo também da qualidade de vida de ter o prazer de frequentar uma cidade sem lixo pelas calçadas ou em pé de árvores (pé de árvore não é lixeira!), de ter o prazer de desfrutar de uma praia limpa, sem entulhos e restos de comida. Ter o prazer de viver!

Ajude a contagiar as pessoas com o amor e respeito que devemos ter em relação ao meio ambiente. Se eu conseguir isto de apenas um leitor, já me sinto feliz. E se este leitor conseguir contagiar mais uma pessoa e esta outra pessoa conseguir contagiar mais outra e assim por diante, formaremos uma grande corrente a favor da sobrevivência. Sim, esta é uma questão de sobrevivência. Porque se continuar da forma como está, pouco sobrará para as futuras gerações.

Cuidar do meio em que se vive é ser inteligente.

Seja inteligente!

Maria Fernanda Lima Mazzer

Anúncios

Uma resposta to “Meio Ambiente”

  1. MARCIA 07/06/2011 às 14:27 #

    Adorei essa matéria Maria, Lembra meu TCC na faculdade foi sobre reciclagem e consumo consciente. Sabes o quanto nós duas gostamos disso.
    Pena que demora tanto para as pessoas se conscientizarem da importância da preservação do meio ambiente e do Planeta em que vivem e onde possivelmente deixarão suas gerações…
    Tentamos fazer um pouco da nossa parte e fico feliz por isso, mas triste por ver tantas pessoas degradando o meio em que vivem…Pena né.

    Mas, acho que um dia as coisas vão melhorar nesse sentido, e acho que de poquinho em pouquinho já está começando.
    Adorei a matéria, e que ela inspire pessoas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: