Arquivo | julho, 2011

Filé ao molho de mostarda

29 jul

Um dia fiz esta receita e um amigo me falou: “Este é o melhor prato”. Então eu perguntei: “De todos que eu já fiz?”. E ele respondeu: “Não, de todos que eu já comí na vida”. (risos)

Ingredientes (para 2 pessoas):

-500gr de filé mignon cortado em bifes (pode-se usar contrafilé)
-1 colhere (sopa) de manteiga
-sal e pimenta do reino à gosto
-1/2 xícara (chá) de conhaque
-1 tablete de caldo de carne
-2 colheres (sopa) de mostarda
-1 caixinha de creme de leite
-1 colher (sopa) de salsa picada (opcional)

Doure os filés na manteiga e depois tempere-os com sal e pimenta.

Leve-os ao fogo alto e flambe-os com o conhaque.

Transfira os filés para um recipiente aquecido.

Na mesma panela onde você flambou os filés, aproveitando o caldinho que sobrou, adicione o caldo de carne dissolvido em meia xícara (chá) de água fervente e leve ao fogo alto para ferver.

Junte a mostarda, mexa bem e desligue o fogo.

Acrescente o creme de leite e a salsa picada, misture bem.

Despeje este molho sobre os filés e sirva em seguida.

Bom apetite!
______________________________________________________________________

Para flambar:

Coloque o conhaque em uma concha de inox e leve-o sobre a chama do fogão. Aqueça por alguns minutos e incline levemente a concha. Isso fará com que o conhaque se acenda.

Para evitar acidentes, deixe o restante do conhaque (que sobrou na garrafa) longe do fogo.

Despeje esta chama acesa sobre os filés, mexa e espere até que o fogo se apague.

Não tem erro!

Beijos e um ótimo final de semana.

Anúncios

Prateleiras

28 jul

Algumas diferentes, outras nem tanto. Mas todas com a mesma função: colocar ordem na bagunça sem abrir mão da criatividade!

Inspire-se…

Fonte: marthastewart.com

Loft

27 jul

Os lofts estão cada vez mais comuns nos dias de hoje.

Mas afinal, o que seria realmente um loft?

É uma construção, geralmente para habitação, com pé direito alto e um espaço amplo, quase sem divisórias.

Este abaixo localiza-se em Nova Iorque e traduz perfeitamente o significado da palavra.

Fonte: miss-design.com

Buenos Aires – Palermo

26 jul

Parque 3 de Febrero/ Palermo/ Buenos Aires - Argentina

Para fechar o circuito de dicas bairro por bairro de Buenos Aires restou apenas a região de Palermo, considerado o bairro mais moderninho do momento devido à grande concentração de hotéis-boutique, que virou febre atualmente e também devido à farta opção de bons restaurantes.

É aqui em Palermo que está localizado o Jardín Botánico e também o Jardín Zoológico. Para quem gosta, é um prato cheio.

É também em Palermo que encontra-se o maior e mais conhecido parque da cidade, o Parque 3 de Febrero. Seu planejamento foi inspirado no Bois de Boulogne de Paris e no Hyde Park de Londres. Vale muito a pena a visita e uma dica é não deixar de passar pelo Rosedal, um jardim com 12 mil roseiras que foi elaborado pelo arquiteto e paisagista Benito Carrasco. O parque também conta com um lago onde é possível andar de pedalinho e barco a remo, além de uma ponte de madeira e uma pérgola.

Em Palermo, procure também pela Plaza Serrano. É nela o ponto de partida para a moderna Palermo, mais conhecida atualmente como Palermo Soho. Os arredores da praça são repletos de bares e restaurantes que fazem um estilo bem alternativo, agradando à todos os tipos de paladares. É possível encontrar desde o mais romântico restaurante, com muitas flores e louças delicadas até o mais exótico, com deleciosos pratos afrodizíacos.

O estilo desta região foi se dando aos poucos, depois do ano de 1990, quando artistas e designers vieram para cá em busca de aluguéis mais em conta e no final, acabaram por criar uma nova cara para o antigo bairro, resultando em uma maneira de viver mais alternativa.

Este lugar é ideal para quem gosta de fugir do grande aglomerado de turistas, pois aqui é possível comer em restaurantes muito mais frequentados por locais.

Dicas de restaurantes:
– Restaurante El Ultimo Beso, romântico até o último pedaço!

Rua Nicaragua ,4880/ Palermo/ Buenos Aires - Argentina

– Restaurante La Baita, italianíssimo e atendimento nota 10!

Rua Thames, 1603/ Palermo/ Buenos Aires - Argentina

Minha sacada no Caminhos do Campo

25 jul

Para quem não sabe, fui convidada à participar do programa Caminhos do Campo da RPC, filiada à Rede Globo, que foi ao ar ontem, domingo, dia 24/07/2011.

A matéria mostrou as possibilidades de como ter plantas, flores e até uma hortinha, mesmo morando em apartamento.

Apesar de toda minha timidez ao falar em ‘público’, o vídeo ficou legal e vale a pena conferir as dicas da Arquiteta Paisagista, também convidada, Valéria Borges Yonegura.

Aí vai o link:

Como ter plantas e flores no quintal de casa e no apartamento.

Espero que gostem. Beijos e uma ótima semana!

Estrogonofe de carne

22 jul

Acredito que nunca conhecí uma pessoa que não goste de estrogonofe.

Esta é uma receita fácil, que agrada a maioria.

Ingredientes (para 4 pessoas):

-1kg de filé mignon (mas também pode ser usado alcatra ou patinho) cortado em tiras finas temperadas com sal e pimenta a gosto.
-2 colheres (sopa) de manteiga
-1 cebola grande picada
-200gr de champignon laminado
-5 colheres (sopa) de molho inglês
-1 cálice de conhaque
-1 lata de creme de leite sem soro
-5 colheres (sopa) de catchup
-2 colheres (sopa) de mostarda
-sal e pimenta do reino a gosto
-1 colher (sopa) de farinha de trigo dissolvida em 1 lata e meia de leite (utilize a mesma lata do creme de leite)

Em uma panela grande, em fogo médio, derreta a manteiga e frite a carne previamente temperada com sal e pimenta a gosto. Retire da panela e reserve.

Na mesma panela, derreta mais um pouco de manteiga e doure a cebola. Assim que dourar, acrescente o champignon e a carne (reservada acima). Refogue por mais 5 minutos.

Adicione molho inglês e um cálice de conhaque aquecido. Flambe o refogado.

Num recipiente, misture o creme de leite, catchup, mostarda, sal, pimenta do reino a gosto e a farinha de trigo dissolvida em uma lata de leite. Coloque esta mistura na panela onde está a carne refogada e cozinhe por mais 5 minutos em fogo médio, até encorpar.

Retire do fogo e sirva acompanhado de batata palha, arroz branco e salada de folhas.

Bom apetite!
______________________________________________________________________

Até para quem pouco se arrisca na cozinha, o estrogonofe é uma receita fácil de preparar. O segredo está na hora de flambar o refogado. Muitas pessoas pulam esta etapa por medo de errar, o que é uma pena, pois isto faz totalmente a diferença no sabor do prato.

Para aquecer o conhaque, coloque-o em uma concha de inox e leve-o sobre a chama do fogão. Aqueça por alguns minutos e incline levemente a concha. Isso fará com que o conhaque se acenda.

Para evitar acidentes, deixe o restante do conhaque (que sobrou na garrafa) longe do fogo.

Despeje esta chama acesa sobre o refogado, mexa e espere até que o fogo se apague.

Não tem erro!

Ótimo final de semana. Beijo, beijo.

Despensa

21 jul

Como você organiza a sua despensa?

Acredito que o maior desafio hoje em dia para ter uma despensa bem organizada, é a falta de espaço.

Porém, com alguns truques dá para melhorar, e muito, tal organização.

Já, para quem tem espaço de sobra…

Inspire-se!

Fonte: shelterness.com

Elie Saab

20 jul

Elie Saab, este é o nome do estilista mais requisitado dos últimos tapetes vermelhos. Um libanês de 47 anos.

Considerado um autoditada, ele costura desde criança e aos 18 anos lançou sua primeira grife.

Seu principal endereço fica no Líbano, mas ele também atende em Milão e Paris.

Seu último desfile de alta-costura, coleção de inverno 2012, é de se admirar. Difícil escolher o modelo mais bonito.

Além de todos os vestidos de festa impecáveis, desta vez ele também resolveu arriscar no mundo das noivas e não deixou nada à desejar, com um modelo belíssimo.

Vale a pena conferir, são verdadeiras obras de arte.

Imagens: modaspot.abril.com.br

Quarto de criança

19 jul

Certamente, um quarto que toda criança gostaria de ter.

Detalhe para o balanço de árvore, achei o máximo!

Tenham uma ótima terça-feira. Beijos, beijos.

Fonte: dornob.com

Quadro de flores

18 jul

Achei lindo o resultado deste trabalho e por isto, repasso.

A boa idéia é utilizar objetos que caíram em desuso, como as molduras antigas de porta retratos, as embalagens de vidro e o painel telado, ao invés de jogá-los fora.

Se a cor das molduras que você tem não te agrada, comece pintando-as e depois é só seguir o passo a passo pelas imagens.

Se você não tem um painel telado como este (o que não é difícil, risos), dá para criar outras maneiras de como pendurar as molduras. Pendurá-las direto na parede também seria uma opção.

Veja nas imagens abaixo o material que foi utilizado e a maneira como tudo foi feito.

Muito simples e muito lindo!

Fonte: flamingotoes.com

%d blogueiros gostam disto: