Arquivo | Aparência é tudo? RSS feed for this section

Aparência, é tudo?

20 jul

O que você prefere? Uma réplica perfeita ou uma autêntica original?

Sim, pois estes dias eu estava atrás de um colar para usar em um casamento e a vendedora, para enobrecer a tal peça, já veio logo dizendo: esta é uma réplica da Prada! Como se fosse tudo que eu quisesse na vida! O preço? R$ 480,00, uma pechincha! Pois sabe lá quanto seria o verdadeiro…

Como assim? O que faria eu me sentir mais bonita, sabendo que estou usando algo que é copiado?!? E o respeito à pessoa que realmente o inventou… Pouco importa?!? Todo o estudo e o tempo gasto para tal… Pouco importa?!? Como assim?

Aparência, é tudo? A qualidade, pouco importa?

Isto me inspirou a escrever sobre algo que eu já queria entrar em questão à tempos. Aprofundando um pouco mais sobre o assunto, digo logo que não faço questão em acessórios ou qualquer outra coisa que seja de marca… famosa. É, porque marca todos tem, mas umas são famosas, outras não, ou nem tanto. Procuro sempre ir pela qualidade. Mas, não fazer questão de ter coisas de marca famosa, não significa que eu não tenha NADA de marca famosa, eu tenho sim, quando o valor, na minha opinião, justifica.

Uso sempre esta tática. Quando me apaixono por alguma coisa um pouco mais cara, indiferente da marca ser muito ou nada famosa: justifica? Se fizer jus, bem!

A gente tem que aprender a dar valor, isso sim! Dar valor ao acabamento, dar valor à criatividade, saber dar valor ao produto, independente de qual etiqueta ele carrega. Desde que não seja falsa! (risos). Pois uma peça, seja ela qual for, que leve uma etiqueta de marca nada conhecida, também pode custar caro, se o conteúdo justificar. Materiais nobres, de melhor qualidade, certamente custam mais caro.

Vamos usar um bom exemplo: se você não tem ‘coragem’ de ‘investir’ uma ‘fortuna’ em uma bolsa da Prada, Chanel, Louis Vuitton, Carmim ou Victor Hugo que seja, na minha opinião: você nem merece usá-la! Se ela vale o que custa é porque fez por merecer, em anos de história. Uma réplica JAMAIS faria o mesmo ‘efeito’.

Aí eu te pergunto: o que você prefere? Uma réplica perfeita ou uma autêntica original?

Você vive de aparência ou de conteúdo?

Tá! E pra finalizar, navegando por aí, ‘fuçando’ mais sobre o assunto, descobrí um site de aluguel de… bolsas! Com certificado de garantia de serem originais. Algumas de marcas bem famosas (e caras!), outras nem tanto. Como funciona? Você se cadastra, escolhe a bolsa e por quanto tempo você gostaria de ficar com ela: um final de semana, uma semana ou um mês. Se você se apaixonar muito por ela, pode até comprá-la!

Exemplos:

Justifica?!? Bom, aí vai depender da opinião de cada um. Mas uma coisa não podemos negar: que a idéia do site foi bastante autêntica e original, isso foi! (risos)

Beijos, beijos. Bom lindo e belo final de semana!

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: